Serviços

A BRIDGE presta serviços de revisão e tradução de manuscritos para publicação em periódicos de corpo editorial exigente.

Temos grande experiência com a terminologia e redação científica usados na área da saúde ou em áreas correlatas (Saiba Quem somos / Áreas do saber).

Prestamos serviços de 

REVISÃO de manuscritos redigidos em

Português ou Inglês;

TRADUÇÃO de textos do

Inglês para o Português,
Francês para o Português, ou
Espanhol para o Português;

VERSÃO de manuscritos do

Português para o Inglês, ou
Espanhol para o Inglês.

Por que a Bridge edita o texto durante a revisão ou tradução de manuscritos científicos?

1. Temos espírito de parceria com os autores e nos preocupamos com uma eventual má impressão que a redação apressada do manuscrito possa causar nos referees

2. Os referees analisam os manuscritos submetidos quanto ao (1) conteúdo e (2) forma; 

3. Falhas no conteúdo ou na redação científica são motivos suficientes para rejeição do manuscrito para publicação; 

4. Revistas científicas brasileiras que buscam aumentar o reconhecimento internacional estão aumentando a exigência em relação à redação científica, sem deixar de lado o conteúdo. 

Mas o meu manuscrito já está ortografica e gramaticalmente correto ...

1. Ótimo, desde que esteja dentro do estilo da boa redação científica;

2. Se você está começando na Ciência, tenha em mente que o seu texto sofrerá restrições sucessivas se ele for redigido com o Português correto para o público em geral, mas prolixo, confuso, ambíguo e longo demais para cientistas;

3. Um texto em Português com as características acima pode ser traduzido fielmente para o Inglês por tradutores não acostumados ao estilo de redação científica e, por isso mesmo, não ser aceito para publicação em revistas de corpo editorial exigente;

4. Se você quer saber se o seu manuscrito está bom, não o mostre a amigos e parentes (que elogiarão sua inteligência), mas a um editor científico exigente, o qual poderá mostrar onde e como melhorar o seu manuscrito.

Mas eu já tenho o meu estilo de redação ...

1. Ótimo, desde que seja o estilo de redação científica;

2. O estilo de redação científica não diz respeito à correção nem ao brilho literário, mas ao modo de escrever dos cientistas em seus artigos;

3. Os jovens que desejam ser reconhecidos como cientistas devem se espelhar em cientistas, inclusive em seu estilo de redação.

O que há de diferente no serviço da Bridge?

1. temos espírito de parceria: revisamos e traduzimos manuscritos com a postura de um referee number 0;

2. não cuidamos só das palavras do manuscrito, mas também do discurso no futuro artigo;

3. além das correções ortográficas e gramaticais, nossas sugestões (quando aceitas) aumentam a sensação de segurança dos autores de que o manuscrito está pronto para enfrentar o julgamento do conteúdo (mais de 80% das nossas sugestões são aceitas);

4. como resultado da nossa cuidadosa edição, a redação científica dos manuscritos que traduzimos ou revisamos é a mesma dos artigos publicados em revistas de circulação internacional;

5. manuscritos com as características acima podem ser publicados em revistas seletivas, uma forte expectativa das agências financiadoras de projetos;

6. em publicações bilíngues, a nossa versão em Inglês pode resultar mais clara que aquela em Português, se o texto original não for depois revisado com igual critério.

Conheça uma amostra de nosso trabalho em Acknowledgements.

Boas Práticas: Recomendamos que os membros da comunidade acadêmica nos encaminhem apenas manuscritos com temas originais. Conheça o Código de Boas Práticas Científicas.

IMPORTANTE: Depois que a BRIDGE enviar o manuscrito traduzido/revisado, o autor correspondente deverá revisar o texto (e incorporar as sugestões que considerar aceitáveis), devolvendo-o limpo (i.é, sem as sugestões ou comentários da Bridge) para conferência final.

CONHEÇA TAMBÉM AS NOSSAS

ferramentas e

atividades formativas

Esta página foi atualizada em 08 fev 2016.

.